Americas Health celebra melhoria dos indicadores assistenciais após parceria com o Medportal

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A instituição investiu na utilização de plataforma digital para aumentar resultados de qualidade, assistência e engajamento de colaborador e promover educação em escala

O pioneirismo e a inovação são a marca da Americas Health, empresa de saúde que carrega em seu portfólio serviços como unidades de terapia intensiva, radiologia, home care, telemedicina e uma rede de hospitais próprios. Não à toa, com apenas 13 anos de atuação, a instituição já salvou mais de 50 mil vidas e impactou mais de 10 milhões de pacientes pelo país.

Conhecida por levar serviços de alto nível para milhares de brasileiros todos os dias, a capacitação dos profissionais de saúde sempre esteve no radar da Americas Health. Mas nos últimos dois anos, devido ao aumento das internações hospitalares por causa da pandemia de Covid-19, a instituição se viu diante do desafio de capacitar, principalmente, os colaboradores recém-contratados.

“Inicialmente nós vislumbramos implantar um projeto de treinamento para melhorar a qualificação dos nossos profissionais. Nos deparamos com um cenário nunca antes vivenciado, de uma pandemia, com uma grande demanda por serviços especializados como a terapia intensiva. Precisávamos contratar muitas pessoas ao mesmo tempo e a realidade era a escassez de profissionais qualificados no mercado nacional. Há dois anos essa era a realidade brasileira”, revela Thais Yoshida, sponsor do projeto, especialista em melhoria hospitalar e gestora em saúde na Americas Health.

Primeiros passos

Era preciso encontrar uma solução de ensino que, além de oferecer conhecimento de qualidade, fosse flexível – uma vez que cada unidade de saúde da Americas Health apresentava um ponto de atenção diferente. 

“Havia unidades em que o principal problema era relacionado à infecção de corrente sanguínea. Em outra era pneumonia associada à ventilação mecânica, por exemplo”, comenta Thais Yoshida.

Diante desse contexto, a plataforma de ensino do Medportal foi a opção escolhida, justamente, por apresentar trilhas adaptáveis, de acordo com as principais demandas de cada hospital do grupo. Como destaca Thais:

“A metodologia que adotamos foi a utilização de indicadores assistenciais, para direcionar quais eram as temáticas e trilhas de treinamento que aquela unidade precisaria fazer. Percebemos que isso estimula o profissional, pois ele fará o treinamento relacionado ao problema que ele enfrenta na unidade dele.”

Após alguns meses de mensuração, Thais pondera que o papel da educação digital na melhora do atendimento foi percebido através da redução dos indicadores anteriores. Destacando a diminuição das principais infecções e eventos adversos – como diminuição no número de óbitos e do alto tempo de internação -, antes recorrentes nas unidades.

Engajamento

Com mais de 22 mil matrículas distribuídas e 7236 treinamentos concluídos, a parceria entre a Americas Health e o Medportal é motivo de celebração entre os gestores do projeto.

É o caso de Karlla Barbosa, especialista em desenvolvimento humano na Americas Health e uma das pessoas à frente do programa de educação, que comemora a adesão dos profissionais de saúde aos treinamentos:

“O engajamento foi tão grande que muitos colaboradores participaram de trilhas que não eram exatamente destinadas ao aprendizado deles”, comenta. 

Karlla credita parte desse engajamento à participação das lideranças no projeto, especialmente as Gerentes de Assistência, que, além de perceberem a importância de investir nos treinamentos, se envolveram na definição das trilhas e contribuíram ativamente com o desenvolvimento do programa.

“Quando a empresa entende que a educação e a parte de treinamento não é uma perda de tempo, e também não é algo que deve ser imposta ao colaborador, mas é algo que deve ser construído e deve fazer sentido, o resultado desse trabalho será melhor”, analisa. 

De acordo com Thais Yoshida, essa postura ativa é parte da cultura da empresa, que incentiva a autogestão entre os profissionais que integram o quadro de colaboradores da Americas Health. Tudo isso sem esquecer o mérito da colaboração no processo, como foi o caso da parceria com o Medportal.

“A nossa tendência é centralizar muito as coisas, né? Mas a experiência que obtivemos desse projeto é que precisamos ter parcerias e que nos complementamos. Cada um tem uma expertise diferente e quando nós conseguimos entender isso e trabalhar junto, a gente soma, se multiplica e consegue entregar um trabalho com muito mais qualidade, e isso significa salvar mais vidas”, finaliza.

marketingmedportal

marketingmedportal

Assine nossa Newsletter


    Fique tranquilo não enviamos SPAM.

    %d blogueiros gostam disto: